Existem quantos tipos de amores?






Já passou um dia em que parece que você está em outro mundo? Do tipo que deseja ser algo diferente ou estar em lugar diferente só pra não sentir a dor de quebra de um desejo ou sonho? Dia em que você tira para refletir, mas sem pensar. Como se a solução fosse cair do céu mas que você sabe que não vai...Dia pra pensar e repensar. Reavaliar.Principalmente reavaliar o que te dá angústia.Reavaliar o que você espera. O que você não devia ter começado porque já sabia que não seria bom pra você...Mas a eterna teimosia que sempre te empurra perseverante, não se cansa. Mas quebra de sonhos me deixa imensamente cansada.Na verdade, esgotada.Esgotam-se as forças, os argumentos com o coração tristonho e você só quer deixar passar. Esquecer. Recomeçar.


Aproveite que está aqui no meu blog e veja esse vídeo. Um dos mais lindos que já vi...
Na verdade, o título do texto tem a ver com o vídeo e minhas divagações.





SEMPRE PARA SEMPRE


Há amor amigo. Amor rebelde.
 Amor antigo. Amor de pele.
 Há amor tão longe. Amor distante. Amor de olhos. 
Amor de amante.
 Há amor de inverno. Amor de verão. 
Amor que rouba. Como um ladrão. 
Há amor passageiro. Amor não amado. 
Amor que aparece. Amor descartado. 
Há amor despido. Amor ausente.
 Amor de corpo. E sangue bem quente.
 Há amor adulto. Amor pensado.
 Amor sem insulto. Mas nunca, nunca tocado. 
Há amor secreto. De cheiro intenso.
 Amor tão próximo. Amor de incenso.
 Há amor que mata. Amor que mente. 
Amor que nada, mas nada. Te faz contente, me faz contente.
 Há amor tão fraco. Amor não assumido. 
Amor de quarto. Que faz sentido.
 Há amor eterno. Sem nunca talvez.
 Amor tão certo. Que acaba de vez.
 Há amor de certezas. Que não trará dor.
 Amor que afinal, é amor, sem amor.
 O amor é tudo. 
Tudo isto. E nada disto. 
Para tanta gente acabar de maneira igual.
 E recomeçar.
 Um amor diferente.
 Sempre, para sempre. 
Para sempre. 


(Miguel A. Majer)
  • Blogger Comments
  • Facebook Comments

1 Comentários:

  1. Hi, Jô...

    Percebe-se, neste post, um imbroglio de extase e dor. Ou não...

    Mas, lembrei-me, por associação, de uma música do Oswaldo Montenegro que dizia:

    "Pra sempre não é todo dia..."

    Pra bom entendor...

    []'s @inaciorolim

    ResponderExcluir

Item Reviewed: Existem quantos tipos de amores? Rating: 5 Reviewed By: Jô Angel
Scroll to Top